Notícias

Estação para tratamento de lodo na ETA Morro dos Conventos

ETA MORRO DOS CONVENTOS
SAMAE apresenta novo sistema para tratamento do lodo para técnicos da FAMA

Araranguá

O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (SAMAE) implantou um sistema para tratar o lodo gerado pela ETA de Balneário Morro dos Conventos. O espaço é semelhante ao implantado há cerca de seis anos junto a ETA Lagoa da Serra.
Na ETA Morro dos Conventos, à obra, que iniciou no final de julho e foi concluída há aproximadamente um mês. O local foi vistoriada na tarde desta quarta-feira, dia 3, por uma comitiva, cujos anfitriões eram o diretor geral, Jairo do Canto Costa; o Procurador Jurídico, Gean Soares de Souza; o engenheiro químico, Mário Copetti e o controlador interno, Álvaro Conceição, dos do SAMAE. A nova estrutura do local foi apresentada ao biólogo João Rosado e a engenheira ambiental, Patrícia Tambosi Reque, ambos representando a Fundação Ambiental do Município de Araranguá (FAMA). A dupla observou detalhes e conferiu o sistema operacional.
Além da estação de tratamento do lodo foi construído um depósito, que serve para armazenar o produto químico usado no tratamento do lodo mede 2,5mx 2,5m.
Copetti explica que o lodo era arremessado com produto químico no manancial e, ambientalmente, essa prática não é permitida. ‘Esta obra possibilita que o lodo gerado pela ETA I de Morro dos Conventos receba adequado tratamento e retorne em boas condições para a Lagoa dos Bichos”, disse. Já Jairo Costa salientou que, a adoção desta medida, além de ser condicionante, é fundamental para proporcionar maior preservação do meio ambiente. O SAMAE está atento a estas diretrizes.”

SAIBA MAIS:
O lodo é gerado pela ETA devido à sedimentação dos flocos que ocorre nos decantadores, onde ficam retidos. Esse material é constituído de resíduos sólidos orgânicos e inorgânicos provenientes da água bruta e, principalmente, grandes concentrações de sais, decorrentes da adição de produtos químicos e polímeros condicionantes do processo.

Outras Notícias