Notícias

21 de dezembro: Dia do Atleta

DIA DO ATLETA
Polaco Casagrande destaca os campeões nos campos, quadras, pistas e, sobretudo na vida

Araranguá

O Dia Nacional do Atleta, ou simplesmente Dia do Atleta, é comemorado em 21 de Dezembro. A data celebra o esforço das pessoas que se dedicam ao esporte, seja por hobby ou para manter uma boa qualidade de vida. Consciente da importância do esporte para a saúde, entretenimento, integração e qualidade de vida das pessoas, o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (SAMAE) sempre que possível apoia competições, eventos e atletas.

Aliás, na autarquia sobram desportistas e esportistas. Um deles é o engenheiro sanitarista Everson Casagrande, Polaco. Há 14 anos ele pratica caminhadas diárias, especialmente após o expediente de trabalho: ‘Decidi investir nas caminhadas depois de enfartar, receber alta médica e a recomendação de dedicar-se a uma atividade com esforço físico leve. Adequei-me tão bem, que hoje as caminhadas fazem parte da minha rotina’, disse.

MURIALDO
Quando jovem Polaco praticava futebol. Era goleiro de equipes amadoras de Araranguá. Ele nasceu, criou-se, constituiu família no Bairro Cidade Alta, onde os campinho de várzea eram muitos. Nesta trajetória futebolística, uma de suas maiores alegrias foi o sucesso conquistado pela equipe do Murialdo, que contabilizou uma série de bons resultados na década de 80. ‘Éramos comandados e incentivados pelo irmão Celeste Roman, um apaixonado pelo esporte, sobretudo futebol. Com sua liderança, ele nos orientava, selecionada atletas para o grupo, batalhava por patrocinadores, agendava amistosos e participações em torneios’, recorda.

EDUCANDO PELO ESPORTE
Na foto – que integra o acervo pessoal de Polaco Casagrande – uma das formações da equipe do Murialdo, que disputava campeonatos municipais. ‘Daquele time lembro de colegas como Tatavo, Negão, Mengalvo, José Farias (proprietário do Cafezinho do Zequinha), Eduardo, Ediho Palmas e do dirigente Enedino. Éramos parceiros de equipe e amigos leais, tanto que ultrapassados mais de quatro décadas mantemos um salutar convívio. Alguns destes nomes tornaram-se atletas profissionais, outros seguiram carreiras distintas. O importante, entretanto, é que todos nós tivemos oportunidade de evoluir como pessoas e cidadãos por meio da disciplina, união e superação proporcionada pelo esporte, que é uma verdadeira escola da vida’, ponderou Polaco Casagrande.

GRATIDÃO
Polaco, aliás, destaca gratidão ao trabalho de incentivo a prática esportiva desenvolvido por irmão Celeste Roman, hoje com 86 bem vividos anos: ‘Seus feitos são incontáveis. Em 1970, ele iniciou os Jogos Escolares do Vale do Araranguá(JERVA). Já em 1971 foi nomeado primeiro presidente do Conselho Municipal de Desportos (CMD), mas o mais importante foi que educou por meio do esporte, ajudando a transformar a vida de muitos jovens’, observou.

Outras Notícias