Notícias

Com chuvas em excesso, SAMAE intensifica monitoramento

CUIDADO EXTRA
Com chuvas em excesso, SAMAE monitora mananciais naturais e revisa Estações Elevatórias de Esgoto

Araranguá

Segundo a Prefeitura de Araranguá, 16 famílias, estão provisoriamente abrigada Ginásio Municipal de Esportes Padre Ézio Jully, espaço disponibilizado pela própria Administração Municipal. A ação, que consta no Plano de Contingência, é resultado da força-tarefa entre Defesa Civil de Araranguá, Secretaria de Obras, Viação e Serviços Urbanos e Corpo de Bombeiros, com auxílio da Polícia Militar. Além disso, outras famílias, cujos lares localizados no Bairro Barranca também foram afetados pelas águas, optaram por abrigar-se nas residências de familiares e amigos.

Conforme a prefeitura, todos que estão no abrigo recebem alimentação e acompanhamento dos profissionais da Secretaria de Assistência Social, além de uma equipe de enfermeiros da Secretaria de Saúde, que atende em regime de plantão na UPA 24h.
O SAMAE tem monitorado a situação de vulnerabilidade e, neste primeiro momento, já forneceu 1.200 copos d’água para auxiliar as famílias desabrigadas. Na manhã desta quinta-feira, o diretor administrativo Elton Ferreira esteve no Ginásio Padre Ézio Jully.

Paralelamente, a autarquia desenvolve uma série de ações operacionais. ‘Devido ao grande fluxo de chuva destes últimos dias, nossa equipe está revisando cada uma das dezesseis Estações Elevatórias de Esgoto’, revela o engenheiro sanitarista Everson Casagrande, Polaco. Em caso de ocorrências, o SAMAE disponibiliza o fone do plantão 3524-0837.

Já o engenheiro químico do SAMAE, Mario Copetti destaca que, apesar da intensa chuva dos últimos dias, os mananciais naturais de água usados na captação das ETA’s - Lagos da Serra, Açude Belinzoni e Lagoa dos Bichos - apresentam parâmetros dentro da normalidade. ‘O monitoramento nestes locais é constante. Felizmente não constatamos nenhum fator fora dos padrões. Foi possível aumentar o nível de contenção, elevando a quantidade de água reservada para situações pontuais,’ comenta.
Em caso de ocorrência de emergência devido às intempéries, a orientação é comunicar o fato por meio dos fones de emergência 199 (Defesa Civil), 193 (Corpo de Bombeiros) e 190 (Polícia Militar).

Outras Notícias